FEM – Feira de Empreendedorismo Materno

FEM01

Ontem aconteceu, em pinheiros, a “FEM – Feira de Empreendedorismo Materno”, organizada em prol da ONG Artemis. A feira aconteceu no espaço Aldeia.

A Artemis é uma organização comprometida com a promoção da autonomia feminina e prevenção e erradicação de todas as formas de violência contra as mulheres, através da garantia de seus direitos e implantação de políticas e serviços que assegurem a mudança efetiva do cenário atual, em direção a uma sociedade mais justa e igualitária.

A Rosângela Alves, uma das organizadoras, conversou com a gente sobre o evento.

A feira contou com diversos stands de produtos que são comercializados e/ou produzidos por mães, como por exemplo: Inata Jóias, empresa de joias com temas especiais como parto, amamentação e família; Recosturando, empresa de brinquedos e itens de enxoval artesanais;  Criando Gente, empresa de roupas para amamentação; SampaSling, empresa de carregadores de bebê;  entre outros.

Perla Cavalcante, empreendedora da Inata Jóias

Perla Cavalcante, empreendedora da Inata Jóias

Milena Guiotti: empreendedora do Recosturando

Milena Guiotti: empreendedora do Recosturando

Além da feira, o evento contou com oficinas e apresentações.A parte de alimentação contou com Cozinha da Flor, oferecendo opções saudáveis de salgados, sucos e cerveja artesanal. Também contou com Doces da Mi e seus deliciosos brigadeiros.

Uma das atividade foi “Bésame Mucho” com Cacá (Pediatra e Neonatologista), Ana Basaglia (fundadora do grupo de apoio à amamentação, Matrice, e fundadora da Editora Timo, que trouxe para o Brasil o livro “Bésame Mucho”) e Marina Rea (Pediatra).

Cacá,

Cacá, Ana Basaglia e Marina Rea na roda de conversa “Bésame Mucho”.

Outra atividade de destaque foi a apresentação do coral Materna em Canto.

Cerca de 300 pessoas circularam pelo evento ao longo do dia. Um parte de todas as vendas que ocorreram no evento foram revertidas para a Artermis. A expectativa é que novas edições do evento ocorram, fortalecendo ainda mais a ong Artemis e o próprio empreendedorismo materno.

Comentário

comentários

Sem Comentários

Deixe um Comentário: